Postagem por: Samuel Rodrigues
02.05.2018

Ao estrear um visual inédito no site, o intuito do Selena Gomez Brasil, a princípio, era conciliar o lançamento do novo layout e a realização de um concurso cultural valendo prêmios. Mais tarde, a conta oficial do SGBR retornou ao modo de suspensão no Twitter, porém estamos de volta e, com isso, não poderíamos deixar de iniciar os trabalhos de “Back To You”, novo single de Selena Gomez, em grande estilo! Confira, abaixo, os meios através dos quais se pode participar e concorrer aos itens:

PRÊMIOS:

1. Um tênis da marca Puma (vencedor escolherá a opção de acordo com a disponibilidade de estoque);
2. Uma revista Harper’s Bazaar (edição 2018)
3. Uma revista ELLE US (edição 2015)
4. Um pôster de When The Sun Goes Down

COMO PARTICIPAR:

REGULAMENTO:

1. Essa promoção é de cunho integralmente recreativo e não tem qualquer custo para seus participantes;
2. Período de participação compreende entre as 18h do dia 02 até as 17h59 (horário de Brasília-DF) do dia 23 de maio;
3. É obrigatório que o participante esteja seguindo/curtindo o perfil do Selena Gomez Brasil no Facebook, Twitter OU Instagram (selenagomezbr);
4. Para participar, é necessário possuir perfil em, pelo menos, UMA destas redes obviamente. Somente será aceito(a) o(a) vencedor(a) cujo perfil esteja ativo e válido. Perfis criados apenas para participar da promoção não serão aceitos;
5. O prêmio consiste em um kit contendo duas revistas importadas, um tênis PUMA e um pôster oficial de When The Sun Goes Down. O site Selena Gomez Brasil se reserva ao direito de enviar o prêmio em um prazo de até 90 dias úteis após o anúncio do vencedor;
6. O vencedor será determinado através de um sorteio. Após o primeiro contato, o vencedor terá dois dias úteis para nos retornar com seus dados;
7. Essa promoção é válida somente para entrega em território brasileiro;
8. É expressamente proibida a participação de membros da equipe SGBR.

Observação: Nós estamos realizando esse sorteio no Twitter, Facebook e Instagram, isto é, três participantes finalistas, entre os quais será realizado um sorteio posterior para determinar o vencedor! Estamos sorteando UM kit! Se você participar nas três redes sociais, mais chances você terá de ganhar!

Postagem por: Ricardo Horwarht
22.05.2018

No ultimo sábado, 19, Selena compareceu à reputation Stadium Tour, de Taylor Swift, em Pasadena, na Califórnia. Gomez e Swift performaram o hit Hands To Myself e fez com que os fãs fossem à loucura. Confira abaixo algumas fotos e vídeos:


 

 

 Taylor Swift via Instagram Stories, durante os bastidores do show:

 

 

 

Um dia após o show, Selena foi ao Instagram agradecer à sua amiga, Taylor Swift:

“Sou grata por aqueles que me rodeiam. E esta mulher aqui é uma das minhas favoritas. Amo você e nossa tradição”, escreveu Selena.

 

I’m grateful for those I surround myself with. And this woman right here happens to be one of my favorites. Love our tradition and I love you.

Uma publicação compartilhada por Selena Gomez (@selenagomez) em

Categorias: Shows; Taylor Swift
Postagem por: Lívia Bastos
18.05.2018

Após 1 ano de espera, a segunda temporada de 13 Reasons Why já está oficialmente disponível na íntegra! A série é um drama baseado no livro “Os Treze Porquês“, de Jay Asher, que conta a história sobre o suicídio de Hannah Baker, interpretada pela atriz Katherine Langford, e tem Brian Yorkey como diretor e Selena Gomez como uma das produtoras executivas.

A nova temporada conta com mais 13 episódios11 novos personagens e o novo single de Selena – Back To You na trilha sonora. Confira as informações gerais e um pouco sobre os novos personagens:

A Temporada 2 de 13 Reasons Why acompanha as consequências da morte de Hannah e o início da complicada jornada dos personagens rumo à superação do trauma. A Escola Liberty se prepara para o julgamento, mas alguém quer impedir a todo custo que a verdade sobre a morte de Hannah venha à tona. Fotos ameaçadoras levam Clay e seus colegas à descoberta de um segredo terrível – e de uma conspiração para encobrí-lo.

Sinopse: Uma caixa de sapatos é enviada para Clay por Hannah, sua amiga e paixão platônica secreta de escola. O jovem se surpreende ao ver o remetente, pois Hannah acabara de se suicidar. Dentro da caixa, há várias fitas cassete, onde a jovem lista os 13 motivos que a levaram a interromper sua vida – além de instruções para elas serem passadas entre os demais envolvidos.

Por que Hannah Baker se suicidou? Todos os seus colegas tem segredos… mas a verdade será revelada
Desenvolvedor: Brian Yorkey
Produtor: Joseph incaprera
Produtores executivos: Brian Yorkey, Diana Son, Tom McCarthy, Joy Gorman Wettels, Steve Golin, Michael Sugar, Selena Gomez, Mandy Teefey e Kristel Laiblin
Todos os personagens: Confira aqui
Trilha sonora:

Esta série é recomendada para maiores de 16 anos e aborda problemas como depressão, violência sexual e suicídio. Se você estiver passando por um momento difícil, ela pode não ser apropriada para você ou talvez seja melhor assistir na companhia de um adulto.

Os novos personagens: 

Chloe: Uma menina bonita que comandará a equipe de animadoras de torcida da Liberty High.

Mackenzie: Irmã de Cyrus. Ela é uma menina espirituosa envolvida no meio artístico.

Cyrus: Um encrenqueiro nervoso e cínico que se torna um inesperado defensor dos oprimidos.

Rick: O amado treinador do time de beisebol do colégio.

Sonya: Advogada que ficará envolvida com o processo entre o colégio Liberty High e os pais de Hannah.

Jackie: É uma pessoa carinhosa, inteligente e apaixonada defensora de vítimas de bullying.

Caleb: Treinador de boxe de Tony. Dedicado e competitivo, ele tem um sorriso cativante e um senso de humor irônico, além de ser o possível novo interesse amoroso de Tony.

Nina: Uma respeitada corredora que guarda um segredo surpreendente.

Carolyn: Mãe do Alex. Uma enfermeira super dedicada ao filho.

Barry e Norah: Os pais do polêmico Bryce. Barry é um gestor bem sucedido muito importante para comunidade. Pode tentar barrar o processo contra o filho.

Fotos Promocionais

em breve

Stills

em breve

Para assistir a nova temporada, basta criar uma conta na Netflix e pesquisar o nome da série ou clique aqui para ser diretamente redirecionado.

MUITO IMPORTANTE!

Acesse www.13reasonswhy.info ou clique aqui para ser diretamente redirecionado ao site para buscar atendimento grátis no Brasil para prevenção à crises ou suicídio. Disque 100 para denunciar abuso ou exploração sexual. Lembre-se: Você não está sozinho!

Fonte: Sobre os novos personagens de 13 Reasons Why e Netflix
Postagem por: Lívia Bastos
17.05.2018

The Weeknd, ex-namorado de Selena Gomez, é capa da revista TIME, uma das mais influentes do mundo, desta semana. Em uma parte da matéria sobre o cantor sendo nomeado um dos “líderes da próxima geração”, o canadense relevou que descartou um álbum completo após o término com Selena. Confira o trecho:

[…] “E ele quase nunca fala sobre sua vida pessoal, embora seja fácil encontrar fotos de paparazzi dele com mulheres que ele já namorou, como a atriz e cantora Selena Gomez.

O último EP de Tesfaye, My Dear Melancholy, foi quase imediatamente apelidado de seu “álbum de término” – tanto que foi lançado vários meses depois que ele e Gomez terminaram seu relacionamento e porque inclui algumas de suas canções mais sombrias, com títulos como “Wasted Times” e “Hurt You”. Ele é cauteloso com os detalhes: “Eu não quero abrir essa caixa de Pandora, falando sobre relacionamentos.” Mas ele admite que está solteiro (“sem dúvida”) e que a gravação do álbum foi tranquila. “É terapêutico,” Tesfaye diz. “Você quer se afastar. É como se você fechasse um capítulo”.

O capítulo quase permaneceu aberto, no entanto. “Antes da Melancholy, eu tinha um álbum inteiro escrito, pronto”, diz Tesfaye. “O que não foi nada melancólico, porque foi uma época diferente da minha vida.” Pergunto se esse álbum, presumivelmente gravado enquanto ele ainda estava com Gomez, era mais otimista. “Sim”, diz ele. “Era muito otimista – era lindo.” Mas ele descartou o projeto porque passou por aquela parte de sua vida. “Eu não quero performar algo que eu não sinto”, diz ele. Será que um dia vamos ouvir? “Nunca”, ele insiste.

Tradução e Adaptação: Selena Gomez Brasil | fonte

Categorias: Notícias; The Weeknd
Postagem por: Rebeca Gois
16.05.2018

Já fazem alguns anos que os problemas de saúde de Selena Gomez se tornam assuntos de interesse geral. Sua luta contra o Lúpus, uma doença autoimune, é acompanhada por seus fãs há mais de cinco anos. Durante este tempo, a cantora se viu obrigada a cancelar shows e toda sua agenda em decorrência de problemas com a doença. Até que em 2017, a notícia de que a atriz foi submetida a um transplante renal às pressas tomou conta da internet, se tornando um dos assuntos mais comentados de 2017.

UMA LINHA DO TEMPO

Veja, em ordem cronológica, as vezes em que o Lúpus afetou a carreira de Selena Gomez:

DEZEMBRO DE 2013

Selena Gomez interrompeu sua primeira turnê solo, a Stars Dance tour, alegando necessidade de tempo para lidar com problemas pessoais e para ter um tempo para sua família.

À época, além de estar trabalhando sem interrupções durante seis anos, Selena também enfrentava mais um término em sua relação com o cantor Justin Bieber.

A cantora, que sempre foi muito ativa e fiel aos seus compromissos de carreira, vinha de uma série de performances televisivas do hit Come & Get It, e fazia shows pela América do Norte e Europa desde o mês de agosto.

OUTUBRO DE 2015

Após o lançamento de seu segundo álbum de estúdio (e primeiro com sua nova gravadora, a Interscope), “Revival“, Selena Gomez revelou em entrevista à Billboard que o verdadeiro motivo da interrupção dos shows em 2013 havia sido a descoberta de uma doença: o Lúpus.

AGOSTO DE 2016

Mais um cancelamento de tour. Selena foi internada devido aos problemas com a doença, sendo forçada a finalizar sua Revival Tour com ainda mais de 20 shows restantes.

A cantora ficou internada durante três meses, cancelando toda sua agenda até novembro do mesmo ano, quando compareceu ao American Music Awards para receber o prêmio de Artista Feminina Favorita.

SETEMBRO DE 2017

Após algum tempo de postagens frias (nada de cunho pessoal), no mês de setembro, Selena revelou, em uma publicação que havia se submetido à uma cirurgia de transplante de rim em caráter de urgência, pois o quadro de sua doença tinha se agravado, afetando seus rins.

A notícia gerou grande comoção entre fãs e famosos, que expressaram seus desejos de melhoras à cantora:

LADY GAGA

CAMILA CABELLO

COLTON HAYNES

Mas o que é o Lúpus?

Para entender melhor sobre a doença que afeta Selena Gomez e mais de 5 milhões de pessoas ao redor do mundo, o Selena Gomez Brasil conversou com a doutora Jussara Kochen, Meste e Doutora em Reumatologia pela FMUSP há mais de 18 anos.

Selena Gomez Brasil: Olá, doutora. Tudo bem? Tendo em vista todos estes fatos sobre a condição clínica da Selena, nós, como fãs e fonte de informações sobre a cantora e atriz, nos sentimos na obrigação de tentar esclarecer, ou pelo menos dar uma luz a tantos jovens que acompanham nosso trabalho e também o da Selena, sobre este assunto.
Muitas dúvidas pairam, ainda sobre nossas cabeças quando o assunto é Lúpus, pois se trata de uma doença complicada, né.
Então, para começar “do começo”, a senhora poderia nos explicar o que é uma doença autoimune e como ela afeta o corpo da pessoa?
Doutora Jussara Kochen: Olá, SGBR. A doença autoimune nada mais é do que a alteração do sistema imunológico do indivíduo, o qual é responsável pelas defesas do organismo contra a invasão de elementos nocivos como bactérias, parasitas, vírus. Este sistema também é responsável pelo controle de células que tenham potencial de transformação maligna. Nas doenças autoimunes os indivíduos apresentam um desequilíbrio deste sistema de tal modo que as células responsáveis por sua defesa, os anticorpos, passam a agredir seus próprios tecidos ocasionando uma forte inflamação podendo levar à destruição de um tecido ou algum órgão do corpo humano.

SGBR: E quais os primeiros sinais que a pessoa pode apresentar no início da manifestação do Lúpus?

JK: O Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) apresenta uma ampla variedade de manifestações clínicas e laboratoriais e nem sempre se iniciam da mesma maneira. De um modo geral as pessoas podem abrir o quadro clínico com dores e inchaço nas juntas do corpo, febre, emagrecimento, queda de cabelo, feridas na boca ou no nariz, vermelhidão no rosto e no V do decote principalmente se o paciente se expõe ao sol. Alterações laboratoriais podem iniciar com anemia, baixa contagem de leucócitos (glóbulos brancos) e plaquetas, (células envolvidas na coagulação do sangue), alterações ao exame de urina (nefrite) e outras inflamações que refletem o descontrole do sistema imune acima referido.

Pausa rápida para informação técnica (a entrevista continua logo depois):

O Lúpus Eritematoso Sistêmico é diagnosticado de acordo com critérios clínicos e imunológicos, sendo que o paciente precisa se submeter a uma série de consultas e exames até o diagnóstico completo.

Os Critérios clínicos: 1. Lúpus cutâneo agudo 2. Lúpus cutâneo crônico 3. Úlceras orais 4. Alopécia não cicatrizante 5. Sinovite 6. Serosite 7. Lesão renal 8. Sinais e sintomas neurológicos 9. Anemia hemolítica 10. Leucopenia ou Linfopenia11. Trombocitopenia

Os Critérios imunológicos: 1. Valores de anticorpos anti-nuclear (ANAs) acima dos limites de referência laboratoriais 2. Valor de anticorpos anti-DNA de cadeia dupla (anti-dsDNA) acima dos limites de referência laboratoriais 3. Anticorpos anti-Sm positivo 4. Anticorpo anti-fosfolípidos positivo 5. Fatores do complemento diminuídos 6. Teste de Coombs direto.

Para a classificação do LES deverão estar presentes pelo menos 4 critérios clínicos e imunológicos (pelo menos 1 critério tem de ser clínico e 1 imunológico) ou a nefrite lúpica deverá ser confirmada por biópsia na presença de ANAs ou anti-dsDNA.

Atenção: Se você suspeita que é portador da doença, converse com o seu médico.

SGBR: Outra questão que gostaríamos de entender é: Lúpus tem característica genética?
JK: Sim existem evidências científicas que mostram o envolvimento genético no seu aparecimento. Familiares de pacientes com Lupus podem apresentar algumas alterações imunológicas aos exames laboratoriais embora não necessariamente desenvolvam a doença. Em alguns casos, porém o lúpus ou outras doenças autoimunes manifestam-se em uma mesma família. Também é reconhecido um potencial de gravidade maior em indivíduos negros.

SGBR: Sobre os medicamentos/tratamentos que combatem o Lúpus, apenas eles são suficientes para controlar a doença?
JK: Não. Embora os medicamentos utilizados no controle da doença sejam de fundamental importância, existe a necessidade indispensável pelo paciente em adquirir estilos e hábitos de vida mais saudáveis tais como: Evitar bebidas alcoólicas, não fumar, praticar atividade física e ter uma alimentação saudável.

SGBR: A pessoa portadora de Lúpus precisará se submeter à um tratamento para sempre?
JK: Sim. Na grande maioria dos casos será necessário um controle permanente da doença com medicamentos que mantém o sistema imune “adormecido”. O Lupus é uma enfermidade que possui vários graus de comprometimento e gravidade. Desde casos leves que necessitam de medicamentos menos agressivos até casos mais graves que exige uma imunossupressão contínua.

SGBR: Falhas no cabelo, ganho e perda de peso constantes e hematomas são efeitos colaterais da doença ou dos medicamentos?
JK: A alopécia (queda de cabelo) e o hematoma podem fazer parte do quadro clínico. Já o ganho de peso, e, novamente, o hematoma podem ser consequências do esquema terapêutico utilizado para o controle da doença.

SGBR: Uma pessoa com a doença em período de remissão, ou seja, em um período de inatividade da doença, e sem o uso de medicamentos corticoides (anti-inflamatórios fortes) poderia tomar a vacinas como a da febre amarela por exemplo?
JK: NÃO. Nenhum paciente com doença auto-imune fazendo uso ou não de medicamentos imunossupressores pode tomar a vacina para a febre amarela uma vez que a mesma é constituída por vírus vivos atenuados. Neste caso os pacientes podem desenvolver uma forma grave da febre amarela. As vacinas contra H1N1 e pneumonia DEVEM fazer uso anual.

SGBR: O que acontece para o Lúpus causar problemas emocionais no paciente, como depressão, estresse e ataques de pânico?
JK: Estes sintomas têm de ser analisados de forma individualizada. Existe o impacto emocional associado à própria doença e seus tratamentos, como o ganho de peso, o aparecimento de acnes e estrias, assim como a própria rotina do tratamento com realização de exames e idas constantes ao especialista . Existem também quadros mais graves, porém mais raros de manifestação da doença em Sistema Nervoso Central que ocasionam alterações de comportamento, transtornos de humor e depressão.

SGBR: Doutora, a Selena é uma mulher jovem e que gosta de curtir a vida, como qualquer outra pessoa de sua idade. A senhora diria que beber e fumar fazem mal durante o tratamento do lúpus e deve ser evitado, ou é algo “normal”?b

JK: Sim. Faz muito mal. Tanto o fumo quanto o álcool. Primeiro porque a nicotina produz um efeito muito lesivo à circulação e se o indivíduo possui algum órgão do corpo inflamado o cigarro irá amplificar e perpetuar a lesão. Da mesma forma o álcool principalmente se o paciente está em uso de algum medicamento imunossupressor com potencial para produzir toxicidade ao fígado.

SGBR: No ano de 2017, Selena Gomez foi submetida à um transplante de rim de urgência. O que leva a doença à um patamar tão grave? A falha deste e de outros órgãos é comum?
JK: A gravidade da doença renal associada ao Lupus está particularmente relacionada ao patrimônio imuno-genético da paciente, e à sua capacidade de resposta terapêutica aos medicamentos imunossupressores que controlam a nefrite lúpica. Como anteriormente referido o lupus possui graduações na manifestação e atividade inflamatória auto-imune. Costumamos dizer de maneira informal que existe o “lúpus, o lupinho e o lupão” conforme a intensidade da doença renal, do sistema nervoso central, do coração, do pulmão e suas membranas que os recobrem como a pleura e o pericárdio.

SGBR: Neste caso, o transplante é uma solução ou apenas um paliativo (atenuante temporário)?
JK: O transplante Renal é utilizado para os pacientes com grave doença renal e que tiveram várias recaídas e resposta pouco efetiva ao tratamento por medicamentos. Muitos destes pacientes se encaminham para a diálise, porém o recurso final para salvar a função do rim é o transplante. O sucesso do procedimento mais uma vez irá depender de fatores próprios da imunidade do indivíduo e se possui outras doenças associadas como diabetes, hipertensão arterial ou elevação nas taxas de colesterol.

SGBR: Qual é a vida útil de um rim transplantado? É possível realizar uma segunda cirurgia quando este “prazo” terminar?
JK: Mais uma vez o sucesso do rim transplantado vai depender da intensidade da atividade inflamatória do lúpus e sua resposta aos medicamentos que controlam a rejeição ao transplante e à própria doença. Os estudos relatam em torno de 8% na falha do transplante renal pela doença lúpica.

Existem alguns fatores de risco para a perda do transplante renal tais como etnia afro descendentes, gênero feminino, idades menores que 33 anos. Nestes casos a nefrite lúpica recorrente e a rejeição renal crônica foram os principais responsáveis pela perda do transplante. Alguns estudos mostram ainda que o sucesso na sobrevida do transplante estaria associado a um curto período de diálise pré-transplante. Um segundo transplante é muito raro e mais arriscado.

SGBR: Em algum momento da vida, mesmo após o período de adaptação, o corpo da pessoa pode começar a rejeitar o órgão doado?
JK: Potencialmente, sim, como referido anteriormente e dependendo das condições clínicas do paciente.

SGBR: Qual fator dificulta a procura por respostas eficientes e, talvez, menos agressivas ao corpo humano contra o Lúpus? A cura é uma possibilidade, mesmo que distante?
JK: O lúpus é uma doença com um mecanismo muito complexo e com várias vias de desencadeamento da inflamação auto-imune. Os medicamentos costumam agir em algumas vias mais importantes, mas não contemplam toda a abrangência do fenômeno inflamatório. Por isto muitas vezes são necessários vários medicamentos associados para o controle da doença. Os estudos científicos encaminham-se para um futuro onde se possa realizar um mapeamento imuno-genético individualizado e desta forma possa otimizar os tratamentos uma vez que estes nem sempre funcionam da mesma maneira para todos os pacientes com lúpus.

SGBR: Tenho só mais uma pergunta, na verdade, é uma pergunta que foi feita várias vezes pelos fãs, mas eu não achei espaço para ela na entrevista, mas gostaria de responder ainda assim. A Selena é uma moça jovem que tem toda a vida pela frente ainda, muitas coisas para descobrir e vivenciar. Nós gostaríamos de saber se a senhora acha/sabe se a gravidez, no caso dela, é uma possibilidade, se apresentaria mais riscos para ela e para o bebê?
JK: É realmente uma questão muito relevante considerando que o Lúpus é muito frequente em mulheres jovens e em idade fértil, e esta é uma preocupação muito presente nestas pacientes. Não existe contraindicação à gestação. No entanto orientamos para que esta ocorra em um momento em que a doença esteja muito bem controlada, isto é, paciente sem sintomas e com os exames laboratoriais mostrando pouca ou nenhuma atividade inflamatória. É uma decisão que tem que ser tomada em conjunto com o médico e estar ciente de possíveis riscos, uma vez que o Lúpus pode se ativar durante a gestação e no pós-parto. Muitas pacientes tornam-se mães na vigência da doença mas têm sempre que ser acompanhadas em conjunto com o reumatologista e com obstetra que, de preferência, atenda gravidez de risco.

SGBR: Obrigada, doutora! Com certeza, ser tão jovem e conviver com uma doença tão agressiva e limitadora não é tarefa fácil e esperamos que, tanto a Selena, quanto outros portadores da doença, tenham força e sabedoria para suportar todas as tempestades que vierem em suas vidas.

Esperamos que este especial tenha esclarecido as principais dúvidas com relação ao quadro clínico da Selena e sobre os cuidados que uma pessoa portadora da doença precisa ter.

A Dra. Jussara de Almeida Lima Kochen é Mestre e Doutora em Reumatologia pela FMUSP e especialista em Reumatologia pela Sociedade Brasileira de Reumatologia. Conheça mais sobre seu trabalho em: www.drajussarakochen.com!

Para conferir outras matérias publicadas na Coluna SGBR, acesse.

Texto, informações e entrevista por: Rebeca Gois e Equipe Selena Gomez Brasil.

Postagem por: Rebeca Gois
15.05.2018

Durante o lançamento de seu novo single, “Back To You”, na última quinta-feira (10), Selena Gomez concedeu entrevista ao radialista Zane Lowe, da rádio online Beats 1, da Apple, onde falou sobre seus trabalhos anteriores, 13 Reasons Why e sobre o tão aguardado novo álbum. Confira a tradução da entrevista:

Zane Lowe: Como você está se sentindo agora, Selena?

Selena Gomez: Eu estou bem, na verdade estou ótima. Eu tenho passado muito bem. Estou gostando do que estou fazendo e é engraçado porque muitas coisas impressionantes estão por vir. Então eu sinto como se agora fosse o meu momento e o meu caminho, eu não quero jogar um monte de músicas nas caras das pessoas até estar pronta.

ZL: Vamos falar sobre Back To You. É uma música especial para uma série importante para você. Como foi trabalhar nesta música estando tão envolvida neste projeto?

SG: Esta vez foi diferente porque essa foi a primeira música que eu fiz para 13 Reasons Why – que eu fiz exclusivamente para o show. E com essa música, que é muito especial, eu queria que fosse uma bela mensagem de uma forma complicada, mas divertida. It Ain’t Me, Wolves e Back To You têm esse violão ou efeito de música ao vivo com uma pitada do que os DJs e produtores sabem fazer de melhor. Eu acho que gosto dessas músicas que são super EDM, porque você pode tirar toda a produção, pode tocá-la apenas com um violão e fazê-la ficar bonita. É o tipo de coisa que eu tenho gostado e é o motivo que me faz achar que Back To You vai ser o ponto de partida perfeito, porque tive dificuldades de saber o que estava por vir. Eu acho que Back To You é mais como um projeto especial que eu queria dar exclusivamente para 13 Reasons Why.

ZL: Eu quero saber como você se sente agora sobre o show, já que a segunda temporada é sobre o legado que ela deixou.

SG: O que eu aprendi, mais do que tudo, foi como fazer algo de impacto pode ser visto de formas diferentes. O que estamos fazendo e tudo o que estávamos tentando falar era sobre as pessoas genuinamente cuidarem umas das outras, colocar esse sentimento para fora sem acabar com a sensibilidade. Eu aprendi a ser corajosa, a me posicionar por aquilo em que acredito.

ZL: Você ficou surpresa com a divisão de opiniões na primeira temporada?

SG: Um pouco. Mas eu sempre vi o conforto como um inimigo do progresso, então eu penso que quando algo faz esse tipo de barulho pode ser por duas razões: ou é algo muito desagradável ou maravilhoso e é dessa forma que as pessoas despertam para o assunto. Eu não fiz isso para glorificar nada, é o que acontece, é a vida real. Eu recebi relatos de diversos pais e adolescentes sobre como isso abriu as portas para uma comunicação saudável. E isso é tudo o que eu quero, sabe. Não vamos acabar com isso, ou começar a fazer a diferença sem tomar certos riscos.

ZL: Você tem sido muito aberta sobre a sua recuperação e o que todos querem saber é: você está saudável? Está se sentindo bem?

SG: Sim! Eu não fico incomodada com essa pergunta, porque tenho sido muito honesta e muito consciente sobre minha plataforma e eu não tenho esconder as imperfeições que eu tenho. Então eu acho que isso ajuda muito, porque agora eu vejo que as pessoas se preocupam de forma genuína. E eu estou me sentindo bem, melhor do que antes, e espero que consiga me manter assim. Eu estou super feliz, eu amo as pessoas e estou cuidando muito bem de mim. Às vezes é difícil, algumas coisas eu nunca vou superar, só posso ficar melhor e trabalhar nisso. É um passo de cada vez.

ZL: Eu sei que você tem diversas formas de expressar isso nas suas músicas também…

SG: Sim. Eu não parei de gravar. Eu tenho imagens na minha cabeça de como eu quero que as músicas sejam. Estou finalizando o álbum, mas estamos tentando descobrir uma maneira divertida de fazer isso. Não tem uma data específica, mas muitas músicas eu descartei coletivamente. Tenho construído o álbum por mais ou menos dois anos. Eu fiquei muito feliz com o Revival, mas ao mesmo tempo, eu fiquei apavorada de lançar outro álbum porque, para mim, poderia ser um passo atrás, ou é como se eu sentisse a necessidade de superar o álbum anterior. É algo que todo artista luta contra. Então eu esperei. Eu queria que fosse ótimo. E se eu não tivesse esperado um bom ano ou dois, eu não teria as melhores músicas da minha vida agora.

ZL: Qual importância teve a música que Julia Michaels fez para você na descoberta da sua nova identidade? Você pensa naquele momento como crucial para esse seu novo caminho?

SG: Completamente. Foi algo que mudou a minha vida. Eu nunca tinha conhecido um compositor, nesse caso foram dois, o Justin Tranter e Julia Michaels. E foi uma conexão de almas instantânea com eles. Então eu acho que isso ajudou a cultivar minha sonoridade, porque eu e a Julia somos muito parecidas nesse aspecto. Nunca ninguém tinha sido sincero comigo.Às vezes é só: “Essa música é boa, grave do jeito que eu quero e é isto”. E ela vem de um lugar muito natural.

ZL: Você trabalhou em alguma coisa com eles? Teve alguma oportunidade com eles que possa estar ou não no álbum?

SG: Sim.

 

Tradução e adaptação: Equipe Selena  Gomez Brasil

Fonte: Beats 1 on Apple Music (assista ao vídeo)

Categorias: Notícias
Postagem por: Matheus Albuquerque
13.05.2018

No último dia 10, após o lançamento de Back To You, a renomada Forbes publicou uma resenha sobre o novo single de Selena Gomez que estará na próxima temporada de 13 Reasons Why. Confira:

Além de ser uma musicista e estrela da TV e do cinema, Selena Gomez também tentou produzir e conseguiu se sair bem naquele mundo. A cantora e atriz é um dos nomes por trás de 13 Reasons Why da Netflix e, embora ela não seja a estrela da série, isso não significa que ela não esteja usando seus talentos e seu poder para impulsioná-la. Faltando apenas uma semana para a estreia da segunda temporada, Gomez lançou uma nova música para ser incluída na trilha sonora, na esperança de que esta convença as pessoas a assistir.

A nova canção de Gomez, Back To You, começa como uma peça de música acústica guiada por violão, que, a princípio, parece que pode acabar sendo um fracasso. Felizmente, Gomez sabe como aumentar as coisas e fazer com que as pessoas se mexam com sua música, e Back To You rapidamente evolui para algo muito maior e mais moderno do que parece quando começa. Em questão de segundos, a última canção da cantora transforma-se em uma espécie de pop eletrônico pelo qual o verão anseia, e há grande chance de que seja, pelo menos, um pequeno hit em desenvolvimento. Ele segue próximo dos passos da colaboração It Ain’t Me com Kygo, tanto em termos dos vocais utilizados quanto da produção, o que é uma ideia inteligente. Se não está saturado, por que Gomez deveria tentar algo diferente?

Back To You é o primeiro single de Gomez lançado em 2018 e o mais recente em uma longa sequência de faixas, assim, totalmente soltas. A cantora e atriz estava particularmente ocupada no ano passado, lançando novas músicas para a esquerda e para a direita, apesar de nunca ter revelado uma coleção completa ou mesmo anunciado um álbum. Gomez liderou suas próprias músicas Bad Liar e Fetish e se uniu a Marshmello para Wolves e a Kygo para It Ain’t Me. Todas essas músicas entraram no Top 40, com o último, alcançando o Top 10 por um curto período.

Com um punhado de sucessos certificados (três das faixas já mencionadas foram certificadas pelo menos ouro nos EUA), é surpreendente que um álbum não tenha aparecido rapidamente, mas talvez Gomez e sua equipe simplesmente não estivessem prontos para lançar algo tão grande, ou talvez eles estavam esperando por mais de sua última era, como seu último álbum Revival produziu um trio de top 10 smashes e foi apreciado por muitos críticos.

 

Tradução e adaptação: Selena Gomez Brasil

Fonte: Forbes

Categorias: Back To You
Postagem por: Lucas Paulo
13.05.2018

03.05.2018| Vogue americana publicou uma lista dos 71 melhores looks que já passaram pelo red carpet do MET Gala e Selena marcou presença com seu look para o evento em 2016. Confira a lista completa aqui.


 

05.05.2018 | Via instagram stories, David Henrie postou a foto de uma revista onde ele e Selena aparecem juntos na época de Os Feiticeiros de Waverly Place.


08.05.2018 |  O diretor criativo da Coach, Stuart Vevers postou em seu twitter um vídeo ao lado de Selena durante o MET Gala 2018.

😘❤😍#metgala#selenagomez@Coachpic.twitter.com/RbEZ5ZpWwL

— Stuart Vevers (@StuartVevers) 8 de maio de 2018


09.05.2018 | Selena posou para fotos ao lado de fãs em Londres.


09.05.2018 | Courtney Barry postou via Instagram Stories, uma foto de Selena segurando o filho do pastor Rich.


 

09.05.2018 |  Via Instagram Stories, a Coach postou um vídeo de Selena com as bolsas de sua coleção. No vídeo a cantora pergunta: “Hey pessoal, tenho uma pergunta: vocês preferem essa ou essa?”

📹 09.05 | Coach via Instagram Stories: “Hey pessoal, tenho uma pergunta: vocês preferem essa ou essa?”#BackToYouTONIGHTpic.twitter.com/XczdlytvOr

— Selena Gomez Brasil (@selenagomezbr) 9 de maio de 2018

11.05.2018 | Caroline Franklin via Instagram Stories: “aquela vez em que @connarfranklin fez uma pequena participação no video ”


 

Postagem por: Rebeca Gois
10.05.2018

Aguenta coração! Como prometido anteriormente, Selena Gomez acaba de lançar o seu mais novo single, intitulado de “Back To You“, na tarde de hoje (10). A música faz parte da trilha sonora da segunda temporada da série 13 Reasons Why e dá início a nova era da cantora na indústria musical.

Confira agora a música, o vídeo vertical exclusivo para o Spotify e as informações gerais:

Spotify | iTunesGoogle Play  | Amazon Music | Deezer

SPOTIFY VERTICAL VIDEO |

 

LETRA & TRADUÇÃO:

 BACK TO YOU / VOLTAR PARA VOCÊ

  • Escrita por: Amy Allen, Selena Marie Gomez, Micah Rayan Premnath, Diederik Jan Van Elsas, Parrish Alan Warrington
  • Produzida por: Ian Kirkpatrick

 

Te bebi como um drink

Pensei que pudesse correr atrás de você como uma noite fria

Levei alguns anos para superar o que eu sentia por você

E toda vez que nos falamos

Todo que foi dito nos trouxe até esse momento

E eu tenho que me convencer de que não o quero

Mesmo sabendo que quero

Você poderia partir meu coração em dois

Mas quando ele se curar, baterá por você

Eu sei que é precipitado, mas é verdade

Eu quero te abraçar quando não deveria

Quando eu estou deitada ao lado de outro alguém

Você está preso em minha cabeça

E eu não consigo te tirar daqui

Se eu pudesse fazer tudo outra vez

Eu sei que eu voltaria para você

Eu sei que eu voltaria para você

Eu sei que eu voltaria para você

Você não nunca entendeu

Lendo e relendo conversas antigas

Pensando demais nas palavras

E eu odeio isso, porque não sou assim

E qual o ponto em esconder isso

Quando todos sabem que temos assuntos pendentes

E me arrependeria se não dissesse que não era para ser assim

Você poderia partir meu coração em dois

Mas quando ele se curar, baterá por você

Eu sei que é precipitado, mas é verdade

Eu quero te abraçar quando não deveria

Quando eu estou deitada ao lado de outro alguém

Você está preso em minha cabeça

E eu não consigo te tirar daqui

Se eu pudesse fazer tudo outra vez

Eu sei que eu voltaria para você

Eu sei que eu voltaria para você

Eu sei que eu voltaria para você

Eu voltaria para você

Eu sei que disse que não tinha certeza

Mas eu voltaria para você

Eu sei que eu voltaria para você

Você poderia partir meu coração em dois

Mas quando ele se curar, baterá por você

Eu sei que é precipitado, mas é verdade

Não vou mentir, eu voltaria para você

Você sabe que não estou pensando direito

Isso é o que você faz comigo

Eu poderia lutar contra isso, mas seria inútil

Eu sei que eu voltaria para você

 

PHOTOSHOOT

 

A música chegará às rádios na próxima terça-feira (15) e além de fazer parte da trilha sonora de 13 Reasons Why, também será tema das próximas campanhas da Selena para a PUMA.

Nome: Selena Gomez Brasil (SGBR)
Desde: 21 de Setembro de 2008
Webmiss: Érika Barros
Co-webmaster: Samuel Rodrigues
Design & programação: Dieux Design & Luana Machado
Entre em contato com nosso site