BILLBOARD: Nove vezes que Selena Gomez se conectou com suas raízes latinas

Postagem por: Julia Brum
15.08.2019
Categorias: Artigos; EP em Espanhol

A renomada revista Billboard disponibilizou uma matéria em seu site sobre as canções em espanhol, ou com fortes influências latinas, lançadas por Selena Gomez em toda a sua carreira. Falando sobre diversas canções, desde do “Kiss & Tell” até a mais recente canção de Selena, “I Can’t Get Enough”, confira abaixo a matéria traduzida:

O álbum que dá continuidade ao disco de 2015 de Selena Gomez, Revival, está “finalmente pronto”, como a cantora revelou recentemente. Embora ainda sem data de lançamento, outra questão que está sendo levantada sobre o álbum é em que direção Gomez nos levará com ele. Os singles mais recentes lançados pela cantora tem explorado o mundo da música latina.

Com a sua recente colaboração com DJ Snake e Ozuna envolvendo a música latina, “Taki Taki” fez Gomez alcançar  o primeiro lugar na parada “Hot Latin Songs” da Billboard por 13 semanas não consecutivas e permanecer no topo da “Latin Rhythm Airplay” por duas semanas consecutivas no último ano. Enquanto isso, “I Can’t Get Enough” foi top 20 na parada “Latin Pop Songs” neste ano.

Mas esta não foi a primeira vez que Gomez se interessa por músicas em espanhol. Desde de que debutou com o “Kiss & Tell” em 2009, a multi talentosa abraçou suas raízes mexicanas/americanas muitas vezes, como podemos ver abaixo:

“Natural” (2009)

Apesar de uma versão latina do sucesso de Selena Gomez & The Scene, “Naturally”, nunca ter sido lançada, enquanto tava divulgando seu álbum de estréia “Kiss & Tell” na Espanha, Selena cantou brevemente um trecho da canção em espanhol para seus fãs. A única evidência que “Natural” existe são pequenos vídeos disponibilizados no YouTube que foram gravados neste evento especial. O potencial de Gomez para assumir a cena da música latina já nascia desde deste tempo.

“Un Año Sin Lluvia” (2010)

Para o “A Year Without Rain”, seu segundo álbum com o The Scene lançado em 2010, Gomez lançou sua primeira música totalmente em espanhol, “Un Año Sin Lluvia”. Ela traduziu sua sede de romance na balada electro-pop em uma performance sensual, além de regravar o videoclipe parecendo uma deusa. A espera por Gomez finalmente abraçar suas raízes mexicanas em sua música tinha finalmente acabado.

“Fantasma de Amor” (2010)

A canção presente no “A Year Without Rain”, “Ghost Of You” foi traduzida para o espanhol como “Fantasma de Amor”. Diferente de “Un Año Sin Lluvia”, a música nunca foi oficialmente lançada, fazendo parte apenas de uma edição especial do “When The Sun Goes Down”, mas felizmente a mixagem completa existe no YouTube. Gomez provou que consegue entregar uma canção emocional em espanhol, enquanto luta contra os sentimentos de uma antiga chama que a assombra.

“Dices” (2011)

“Who Says”, o primeiro single do terceiro e último álbum de Gomez com o The Scene,  “When the Sun Goes Down”, foi gravado em espanhol como “Dices”. Sua poderosa balada de empoderamento foi capaz de alcançar um outro público com esta tradução – era importante que uma das músicas mais significativas do catálogo musical de Gomez pudesse alcançar e se conectar com seus fãs latino-americanos também.

“Bidi Bidi Bom Bom” (2012)

Gomez, que recebeu o nome da falecida e grandiosa lenda da música tejana (termo utilizado para identificar um texano de ascendência hispânica e/ou latino-americana), Selena Quintanilla-Pérez, participou em 2012 de um álbum póstumo de remixes da finada cantora, denominado Enamorada de Ti. A família de Quintanilla escolheu especificamente Gomez para cantar o clássico “Bidi Bidi Bom Bom” em um dueto póstumo com Selena. Gomez complementou seu ídolo lindamente, com vocais que deram nova vida à canção.

“Más” (2014)

A versão em espanhol de “More”, uma canção lançada no álbum “Kiss & Tell” em 2009, surgiu como “Más” em 2014, na coletânea de sucessos de Selena denominada “For You”. Como um presente para os Selenators no álbum de despedida da Hollywood Records, Gomez deu a seus fãs o hino pop-rock em uma versão diferenciada. “Natural” também poderia ter sido lançada dessa forma mas estamos feliz com o que recebemos.

“Me & My Girls” (2015)

Em seu álbum de estréia com a Interscope Records, “Revival”,  Gomez não gravou nenhuma canção em espanhol, porém explorou influências latinas nas músicas “Body Heat” e “Me & My Girls”. Nesta última canção ela canta em espanhol “Não f*da com a gente”. Gomez cantou “Me & My Girls” no desfile da Victoria Secret’s em 2015, e surpreendentemente não foi censurada.

“Taki Taki” (2018)

Gomez finalmente teve seu grande ápice na música latina no ano passado com sua participação em “Taki Taki” do DJ Snake, ao lado da estrela porto-riquenha Ozuna e da rapper Cardi B. Em uma mistura de reggaeton e música eletrônica, Gomez canta versos em espanglês dizendo que ela é a própria “fiesta”. A inesperada colaboração conectou a cantora com fãs ao redor do mundo e resultou no primeiro número 1 de Gomez na parada Hot Latin Songs.

“I Can’t Get Enough” (2019)

Depois de provar o sucesso na música latina com “Taki Taki“, Gomez se juntou ao produtor porto-riquenho Tainy, ao produtor pop Benny Blanco e ao superastro colombiano J Balvin em “I Can’t Get Enough”. Ela não canta em espanhol neste reggaeton viciante, porém representa bem sua cultura latina com seus brincos de argola gigante no clipe de festa do pijama. Nós nunca teremos o suficiente da Selena latina. 

Tradução e Adaptação: Selena Gomez Brasil

Fonte: Billboard

Nome: Selena Gomez Brasil (SGBR)
Desde: 21 de Setembro de 2008
Webmiss: Érika Barros
Co-webmaster: Samuel Rodrigues
Design & programação: Dieux Design & Luana Machado
Entre em contato com nosso site