Postagem por:
Vinicius Viana
28 set.2021


No sétimo episódio de Only Murders in the Building, somos apresentados a novos personagens, mas de uma forma totalmente fora do convencional. Confira abaixo a resenha completa, mas cuidado com os spoilers!

Veja as resenhas de outros episódios

EPISÓDIO 7 – THE BOY FROM 6B (O GAROTO DO 6B)

Luz, câmera e… silêncio! No sétimo episódio da primeira temporada de Only Murders in the Building essa é a palavra-chave. Isso porque a série decide nos apresentar o ponto de vista de um personagem surdo e abre mão de boa parte dos diálogos entre os personagens para dar lugar a atuações centradas e expressões faciais bem características dos atores. Selena, como sempre, está no ponto. Mas a essa altura o talento dela em interpretar a Mabel já ficou claro para todos. 

Logo nos primeiros minutos do episódio somos apresentados a Theo, filho de Teddy Dimas. Nas cenas em que o personagem aparece, todo o som é retirado e a mixagem dá lugar a um efeito abafado, para simular como ele enxerga, ou melhor escuta, o mundo ao seu redor. Conhecemos mais sobre a sua relação com o pai, e em tramas paralelas, o nosso trio principal vive duas diferentes situações. 

Mabel e Oliver seguem investigando o possível assassinato de Tim Kono, enquanto Charles, finalmente, tem um encontro romântico com Jan. Esse ultimo plot, rende uma das cenas mais engraçadas do episódio, em que os personagens jogam palavras cruzadas com um tom erótico, movendo o humor apenas com as expressões faciais de dois atores muito experientes. 

Mesmo quando Theo não aparece em cena, os personagens não falam. A série se encarrega de criar situações em que o diálogo é desnecessário e recorre apenas a atuações carregadas de caretas, expressões faciais curiosas e posturas corporais que também dizem muito sem qualquer palavra. Estou evitando dar mais spoilers, mas adianto que no final desse episódio outra virada é dada na trama e tudo o que achamos que fazia sentido, já não faz mais. 

Sem dúvidas o sétimo episódio foi o meu favorito até aqui. E ao longo de uma bem humorada experiência imersiva, por vezes me peguei questionando como seria viver daquela forma e como o som também me ajuda a enxergar o mundo ao meu redor. Pontos para OMitB, não apenas pelo bom roteiro, mas pela capacidade de incitar discussões por meio da comédia. 

Por Vinícius Viana

Comments

comments

Siga o Twitter do site para receber
novidades sobre Selena em tempo real
Na nossa página do Facebook, você também
não perde novidades sobre Selena. Curta!
Web status
Criação e desenvolvimento por LIVZZLE e Lannie.D
© 2020 - Selena Gomez Brasil